Coloque os espelhos nos melhores locais da sua casa

16 outubro 2020

De imovirtual

Coloque os espelhos nos melhores locais da sua casa

No momento de decorar a sua casa olhe para os espelhos como um ótimo elemento que pode fazer toda a diferença. Assim, ambientes escuros ganham leveza e espaços pequenos parecem mais amplos com a simples colocação de um espelho no sítio certo.

Do ponto de vista estético, os espelhos podem valorizar qualquer ambiente, basta sabê-los usar corretamente. Mas há mais… por exemplo, no Feng Shui os espelhos têm um lugar especial e podem mesmo trazer harmonia aos diferentes espaços.

Os espaços onde colocar os espelhos

Na altura de usar espelhos na decoração de salas ou outros espaços na casa deve ter em atenção uma série de coisas para que aqueles sejam uma mais-valia.

Em primeiro lugar deve ter-se em atenção o que o espelho vai refletir. A dica parece básica, mas a verdade é que muita gente se esquece de conferir o reflexo do espelho depois de os colocar. É que não basta posicioná-lo onde mais se gosta, é fundamental reparar no que ele reflete.

Por outro lado, quando decidir onde colocar espelhos, deve tirar da lista de possibilidades os locais em que o espelho pode distraí-lo do seu foco, como à frente da secretária ou por trás da televisão.

Uma divisão em que um espelho fica sempre bem é no hall de entrada. Este é um dos espaços que mais fica a ganhar com o uso de espelhos, especialmente se forem grandes. Isto acontece porque os espelhos tornam estes ambientes maiores e mais iluminados.

Tipo de espelho

Importante é também escolher corretamente o tipo de espelho. Os espaços com pé-direito alto são valorizados com espelhos verticais, ao passo que áreas mais compridas e com pé-direito baixo os espelhos horizontais são os mais indicados.

Também escolher a medida certa do espelho é um fator a ter em conta. Espelhos são um ótimo elemento de decoração, mas em excesso podem estragar o ambiente.

A iluminação é um aspeto muito importante a ter em conta, pois deve ter-se cuidado com as lâmpadas e o seu reflexo no espelho, pois pode incomodar os olhos.

É importante reforçar bem a fixação dos espelhos à parede, a fim de evitar acidentes.

Por outro lado, se pretende ampliar o ambiente, deve colocar o espelho no alto da parede, inclinando para a frente a parte de cima do espelho. Assim, este elemento decorativo consegue refletir mais do espaço à sua volta.

Deve ainda optar por colocar os espelhos de forma a que reflitam a luz natural, o que promove a beleza e o bem-estar dos espaços.

Paralelamente o Feng Shui – prática pseudocientífica originária da China antiga que alega usar forças energéticas para harmonizar os indivíduos com o ambiente ao seu redor – tem nos espelhos um dos seus elementos mais importantes para garantir ambientes com boa energia. E percebe-se bem, pois um espelho que reflita zonas menos agradáveis do interior ou do exterior da casa não contribui para o bem-estar.

Assim, segundo o Feng Shui, colocar um espelho no lado de fora de casa, ativa a energia de proteção do lar contra as energias negativas. No entanto, verifique com o condomínio se esta é uma prática possível.

Já colocar espelhos que reflitam a porta de entrada de casa não é aconselhável.

Outra área onde é favorável colocar espelhos é a sala de jantar, porque usá-los na zona de refeição é uma excelente escolha, pois se refletir uma mesa farta, acredita-se que isso contribua para aumentar a prosperidade.

Por outro lado, se tiver um jardim com um espaço de convívio, é boa ideia decorar o ambiente com um espelho, pois também contribui para aumentar a prosperidade do lar. Porém, se a habitação não possuir este tipo de espaço, pode colocar-se um espelho pequeno na cozinha, atrás do fogão.

Outro local onde não é conveniente colocar espelhos é no quarto de dormir. Não é uma restrição, mas a verdade é que, na hora de dormir, não é aconselhável ter espelhos por perto. Tape-o com um pano ou certifique-se que ele não reflete a cama, nem o quarto no seu todo. Caso contrário, poderá não ter um sono tranquilo ou sofrer mesmo uma insónia.

Ultima actualização: 16 outubro 2020

Partilhar