Truques para pintar a casa

20 novembro 2021

De Maria Luísa

Truques para pintar a casa

Truques para pintar a casa

Pintar as paredes de uma nova cor ou simplesmente retocar e renovar a tinta que já lá estava é uma ótima maneira de dar um novo ar à sua casa. É uma forma simples, relativamente rápida, fácil de fazer e barata de criar novos ambientes. Hoje em dia, já existe uma grande variedade de tonalidades e acabamentos no mercado, que lhe permitem criar paredes destaque ou cobrir toda uma divisão de forma original e única. A tinta é uma parte importante da decoração, já que a cor das paredes ajuda a definir o tipo e tom do ambiente. Pode até parecer fácil pintar uma casa, mas além de ser um trabalho cansativo, nem sempre o cliente comum tem conhecimento dos truques para conseguir uma pintura bonita e perfeita. O ideal é sempre recorrer a um profissional do ramo, que saiba manusear bem todas as ferramentas. Mas no caso de não ter orçamento para tal e querer fazer sozinho, deixamos-lhe algumas dicas para não estragar a pintura.

Veja também: Pantone: 5 formas de incorporar as cores do ano na sua decoração

Comece por misturar as tintas

Depois de escolher as tonalidades certas para a sua casa, recorrendo a amostras e a livros de catálogo, por certo irá trazer dois ou três baldes de tinta para começar a pôr as mãos à obra. Antes de agarrar no pincel e começar a dar cor às paredes, deve escolher um recipiente grande para misturar a tinta que vai precisar para a pintura. É importante não omitir este passo, já que mesmo as tintas da mesma cor, por vezes podem ter diferenças na tonalidade por pertencerem a lotes distintos.

Veja também: A cromoterapia: como escolher as cores para a sua casa

Cuidado com o nível de humidade

Outro dos fatores que deve ter em conta na hora de começar a colorir as paredes da sua casa é o nível da humidade. Geralmente, a pintura das casas é feita na Primavera ou Verão. Isto porque o tempo de secagem da tinta varia consoante a humidade presente no ar. Quanto mais humido estiver o ambiente, mais difícil será para a tinta secar. Quanto mais seco estiver o tempo, mais provável é de a tinta não se espalhar convenientemente e deixar manchas na superfície. O ideal é evitar pintar as paredes nos dias em que a humidade é inferior a 10%.

Isole tudo o que não é para pintar

Prepare a superfície de trabalho: cubra o chão com cartão (já que é barato e absorvente), isole os rodapés com fita de pintor, unte as dobradiças de portas com vaselina líquida para a tinta não pegar e cubra as maçanetas com papel de alumínio. Se por exemplo, estiver a pintar um quarto ou uma sala, locais onde existem sempre mobílias de grande porte, o ideal é certificar-se que não há móveis por perto durante a sessão de pintura. Mas se não tiver possibilidade de os remover, a solução passa por cobrir tudo com mangas plásticas ou mantas grossas.

Prepare as paredes

É muito importante preparar as paredes para receber a nova tinta. Se não tiver conhecimento acerca do tipo de tinta antes aplicado, o ideal é testar. Como? Esfregando um algodão com álcool na parede. Se a tinta sair, é porque é à base de látex sendo solúvel em água, garantindo a facilidade de limpeza caso lhe aconteçam acidentes. Caso permaneça intacta, então é à base de óleo. Em ambos os casos, o melhor é sempre utilizar uma tinta primer antes de inciar a pintura, para ajudar a que a cor verdadeira adira às paredes com um acabamento perfeito.

Maria Luísa Autor Imovirtual

Maria Luísa é a decoradora. A paixão pela decoração surgiu desde muito cedo, quando as paredes se tornaram folhas de desenho. Juntou o útil ao agradável e fez da vocação o seu trabalho. Está a cargo dos temas sobre 'Decoração' do Blog do Imovirtual.

Mais sobre Decoração

Ultima actualização: 20 novembro 2021

Partilhar