Logo
Voltar
Terreno para comprar
Évora
Portel
Amieira e Alqueva
Rua dos Penedos
Terreno de 22ha com Ruina 250m2, Alqueva, Alentejo

Terreno de 22ha com Ruina 250m2, Alqueva, Alentejo

197 500 €
Rua dos Penedos, Amieira e Alqueva, Portel, Évora
1 €/m²
Terreno de 22ha com Ruina 250m2, Alqueva, Alentejo

Acompanhamento Virtual

Visita Virtual

Propriedades

Área de terreno (m²):
225 500 m²

Descrição

Terreno localizado em Alqueva no concelho de Portel.
Terreno com 22ha de cultivo arvense, Olival, eucalipto, sobreiros, Algumas arvores de fruto e com uma dependência agrícola, uma ruína de 250m2 de habitação, tem ainda 3 poços.

Marque já a sua visita, disponível para ajudar.


A Barragem de Alqueva é uma barragem em arco portuguesa, situada no rio Guadiana, na região do Alentejo.

A construção desta barragem permitiu a criação do maior reservatório artificial de água da Europa Ocidental, também chamado de Grande Lago.

Possui uma altura de 96 m acima da fundação e um comprimento de coroamento de 458 m. A capacidade instalada de produção de energia eléctrica começou por ser de 260 MW, tendo sido alvo de um reforço de potência que permitiu ampliar a capacidade do empreendimento para 520 megawatts (MW) (desde 15/10/2012), com dois grupos geradores reversíveis, que deverão produzir anualmente 381 gigawatt hora (GWh). A albufeira atinge, à cota máxima, os 250 km², sendo então o maior lago artificial da Europa Ocidental.

Foi construída com o objectivo de regadio para toda a zona do Alentejo e produção de energia eléctrica, para além de outras actividades complementares. Diversas infraestruturas do sistema global encontram-se já construídas (barragem de Pedrógão, infraestrutura 12, Aldeia da Luz) e muitas outras em fase avançada de projecto.

Em Outubro de 2012, entrou em serviço o Reforço de potência da Barragem de Alqueva, constituído por uma nova central com dois grupos geradores reversíveis, com 130 MW de potência cada um, duplicando a potência instalada da Barragem.

No início de 2015, entre investimento público e privado o projeto de regadio de Alqueva mobilizou já €4 mil milhões, a que se irão juntar mais €1000 milhões até 2020, nomeadamente potenciados pelos apoios da Comissão Europeia. Quanto ao impacto no mercado de trabalho, entre empregos criados de forma direta e induzidos indiretamente pelos projetos desenvolvidos em Alqueva, a EDIA estima que se possa estar no patamar dos 20 mil postos de trabalho.

A EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva foi criada em 1995, está sob a tutela do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural e tem sede em Beja. Tem como missão gerir o empreendimento de Alqueva para a promoção do desenvolvimento económico e social nos 20 concelhos dos distritos de Beja, Évora, Portalegre e Setúbal a que corresponde a sua área de intervenção.

Mapa

Relatório de preços praticados

Terrains, Portel

Baseado nos preços dos anúncios activos no Imovirtual

Mais anúncios de Century21 Porta do Alentejo