Voltar à listaMoradia para comprar
Setúbal
Alcochete
São Francisco
Moradia T3 bi-familiar com amplo logradouro em Alcochete-...
Moradia T3 bi-familiar com amplo logradouro em Alcochete-...

Moradia T3 bi-familiar com amplo logradouro em Alcochete-...

185 000 €
São Francisco, Alcochete, Setúbal
1 364 €/m²

Acompanhamento Virtual

Video

Propriedades

Área útil (m²):
135,60 m²
Área bruta (m²):
135,60 m²
Área de terreno (m²):
228 m²
Empreendimento:
não
Tipologia:
T3
Ano de construção:
1977
Casas de Banho:
2
Certificado Energético:
D
Condição:
Usado

Descrição

Esta é uma moradia T3, bi-familiar, com 2 WC´s, correspondendo esta fração ao RC.

O imóvel encontra-se em estado usado, a precisar de obras de conservação geral, com amplo logradouro.

Vendido no estado de conservação em que se encontra.

A moradia é composta no R/C por hall de entrada com acesso aos 3 quartos (um com roupeiro embutido), ampla casa de banho com duche e banheira tradicional; ampla cozinha com península e espaço para refeições, salão com lareira e acesso a casa de banho de serviço e espaço de arrumos; dispõe ainda de generoso logradouro para estacionamento de viaturas.

Com uma área bruta privativa de 135,60m2 e área bruta dependente de 80,40m2

Localizada na vila de São Francisco, a poucos minutos de distância de Alcochete, próximo de zona de comércio tradicional, escola básica e acesso a transportes. Tem ainda facilidade de acessos à A33, Alcochete e Montijo.

Freguesia de São Francisco
'É na Freguesia de São Francisco que reside a génese do concelho de Alcochete. As suas origens remontam ao antigo concelho de 'Ripa Tejo'.

A sua origem reside no período medieval, na primitiva freguesia de Sabonha, cuja primeira referência conhecida data de 1249 e consta de uma carta de doação de bens em Ribatejo.

Na época, Sabonha tinha na região uma grande importância administrativa e eclesiástica que lhe foi conferida pela Ordem de Santiago.

Motivado pela exploração de salinas e pela plantação e cultivo de vinhas, o povoamento da região decorreu de forma bastante fragmentada, por iniciativa da Ordem de Santiago e de outras ordens monástico-conventuais, sediadas em Lisboa, dando origem a pequenas povoações ribeirinhas.

Uma das primeiras freguesias a ser criada foi Santa Maria de Sabonha a par com S. Lourenço de Alhos Vedros, ambas constituídas na segunda metade do séc. XIII.

As escavações arqueológicas que decorreram na freguesia revelaram um conjunto de vestígios de grande importância para a história local e regional, uma vez que fora encontrado exatamente no espaço onde esteve edificada a igreja de Santa Maria de Sabonha (sécs. XIII – XVI) e posteriormente um convento franciscano (1572-1834).

Após a extinção da freguesia de Sabonha a igreja foi abandonada e as ruínas foram doadas aos frades recolectos de S. Francisco, que nela fundaram um convento em 1572, com razoável importância na região e que perdurou até 1834.

Do Convento de São Francisco, que viria a dar nome à atual freguesia, restou apenas o pórtico monumental, restaurado pela Câmara Municipal e que em 1996 foi classificado como monumento de valor concelhio.' (Wikipédia)
Categoria Energética: D

Mapa

Mais anúncios de Klimt Art House