Atente à localização

Como acontece em qualquer tipo de arrendamento ou aquisição de imóveis, a localização é um fator muito importante a considerar.

Opte por um escritório situado numa zona acessível via automóveis e, também, transportes públicos. O que pode parecer-lhe um pormenor pode fazer realmente diferença na contratação de mais funcionários, por exemplo, cuja deslocação até ao local de emprego é considerada.

Alem disso, dependendo do negócio, dê preferência a um espaço localizado numa área bem servida no que diz respeito a comércio e serviços, bancos, espaços públicos, restaurantes.

Lembre-se, também, que pode precisar receber clientes no seu escritório e que a aparência do mesmo causará uma impressão nos mesmos.

 

Disposição e condições do escritório

Qualquer empresa procura que os seus colaboradores sejam, o máximo possível, produtivos.

Verifique quantos metros quadrados tem o escritório e como é a disposição do mesmo. Tem espaço suficiente para todos os seus funcionários? Procure considerar 45 a 75 metros quadrados por pessoa.

A planta afeta, de facto, a eficácia de utilização do espaço. Prefira espaços retangulares, cuja margem de manobra para mobilar, decorar e organizar é maior.

Não descure detalhes como o número e disposição de tomadas de eletricidade, por exemplo.

Procura um escritório que inclua uma área de refeições e/ou uma sala para pausas? Em caso de arrendamento, questione o senhorio acerca do que está incluído na renda.

 

Estacionamento

Quer para colaboradores quer para clientes a existência de estacionamento acessível, faz a diferença.

 

Deseja optar pelo arrendamento?

Antes de assinar o contrato de arrendamento, leia devidamente todas as condições do mesmo.

Tenha em consideração não só as suas necessidades atuais, mas também aquelas que, prevê ter a longo prazo, procurando que o contrato seja flexível (a nível de rescisão).

De acordo com a Agência e Consultora Imobiliária Savills, que apresenta a evolução do mercado de escritórios em Lisboa e no Porto, foram ocupados, em 2018, mais de 200 mil metros quadrados de espaços de escritórios, em Lisboa, o que representou um aumento de 24% comparativamente ao ano anterior.

No que diz respeito ao arrendamento de escritórios, as rendas em Lisboa mantiveram uma tendência de subida em 2018, ano em que a renda prime atingiu, em média, os 21€/metros quadrados.

Nesta contagem entram negócios de empresas como a Teleperformance e a Google, responsáveis pelas operações de maior dimensão registadas.

Afinal, em comparação com outras cidades europeias, Lisboa apresenta preços mais competitivos, no mercado de escritórios, com valores de renda mais baixos.

Já no Porto, foi registado um volume de absorção de escritórios correspondente a um total de 80.000 m2, o que se justifica pela elevada procura de empresas multinacionais e grandes ocupantes. A procura elevada de escritórios no Porto também tem impulsionado o aumento do preço das rendas.

A consultora previu, ainda, para 2019, que a grande tendência no Mercado de Escritórios de Lisboa estaria na “renegociação de espaços e transações de pré-arrendamento.”

 

Para comprar ou arrendar um escritório, existem milhares de anúncios no Imovirtual

Tal como no mercado habitacional, comprar um escritório depende em primeiro lugar da sua situação económica, pelo que se não estiver financeiramente preparado para uma aquisição deste tipo, poderá automaticamente excluir essa opção.

Para se decidir entre a aquisição ou o arredamento de um imóvel deste tipo, é importante estar ciente das condicionantes de uma ou outra hipótese.

Comprar um escritório, ainda que com recurso a crédito, implica um investimento inicial elevado enquanto que arrendar implica um menor esforço financeiro, que pode até ser nulo se não lhe forem exigidos o pagamento de rendas em adiantado ou de uma caução.

 

Desta maneira, a melhor forma de tomar uma decisão é elaborando uma tabela de prós e contras.

Comprar permite uma maior estabilidade, pois a permanência no escritório dependerá unicamente de si e, no caso de empréstimo, do pagamento das prestações.

Pretende manter a sua empresa no espaço por um período igual ou superior a três anos? Comprar pode ser a sua melhor opção!

Já a mobilidade é significativamente menor em caso de aquisição sobretudo se a mesma for realizada com recurso a crédito.

 

Qual a estabilidade do seu negócio ou empresa? Qual a sua perspetiva a curto e longo prazo?

Se a sua empresa é recente - uma start-up - é mais aconselhável começar por arrendar um escritório. Desta forma irá verificar, “no terreno”, o que funciona melhor ou pior naquele espaço e se, de facto, deseja e se sente seguro o suficiente para investir na aquisição de um escritório.

 

Tenha estes aspetos em consideração.

Bons negócios!