Olhão sempre foi uma zona privilegiada, principalmente pela existência de água abundante e pela proximidade ao mar. Estes fatores estiveram na base do incremento da pesca costeira e de alto mar que ali estabeleceu muitos pescadores e população ligada à atividade. A pequena vila de pescadores converteu-se mais tarde num grande centro económico, social e urbano que foi elevada a cidade logo em 1985.

O concelho de Olhão está no Sotavento e Algarve Central, ocupando uma área de 130 quilómetros quadrados. Nos seus limites, tem Tavira, Faro e, claro, o oceano Atlântico. O concelho tem cinco freguesias: Olhão, Fuseta, Moncarapacho, Pechão e Quelfes. De acordo com informação cedida pela Câmara Municipal de Olhão, este é um dos cinco concelhos mais populosos do Algarve, onde residem 10% dos habitantes da região.

Em termos estatísticos – informação recolhida pelos Censos de 2011 –, Olhão tem aproximadamente 45 mil habitantes. Quelfes foi a freguesia que maior cresceu entre 1991 e 2011, seja em número de residentes como em número de alojamentos.

 

O que tenho mesmo de conhecer?

Se visitar Olhão é essencial tirar um tempo para passear pela cidade e assim conhecer os pontos de referência, como é o caso da Igreja de Nossa Senhora do Rosário, na Praça da Restauração, ponto de encontro – reza a história – dos portugueses que se insurgiram contra a ocupação francesa; do Museu da Cidade, que alberga uma coleção de achados arqueológicos da região (da presença islâmica ao crescimento industrial de Olhão); do Mercado de Olhão, na Frente Ribeirinha, cujos tijolos vermelhos nos impedem de passar pelo edifício sem dar conta dele. Ali há peixe fresco e, em Agosto, os jardins recebem o Festival do Marisco – quer maior motivação?; entre outros.

Praias

  • Praia da Ilha da Armona: a areia é transparente e a areia fina e branca. Esta é uma das escolhas certeiras para quem tiver filhos pequenos, uma vez que o nível da água do mar é baixo. A ilha é acessível por barco a partir da cidade.
  • Praia da Ilha da Culatra: O areal é extenso e, por isso, se é adepto de fazer desporto na praia, nesta tem toda a liberdade sem incomodar outros banhistas.


Os residentes ajudaram o Imovirtual a classificar Olhão e estas foram as avaliações finais:

Para conhecer melhor outras regiões do litoral sul de Portugal, continue a acompanhar esta série de artigos: Guia de Freguesias.

lmovirtual, Todos os momentos, uma morada.