Barómetro
Em Destaque

Barómetro – O mercado de venda e arrendamento em Portugal: abril 2024 

O mercado imobiliário português continua a mostrar sinais de crescimento, com preços de venda e arrendamento a subirem em quase todo o país. Apesar de se verificar uma ligeira estabilização dos preços médios nas casas, em abril de 2024, comprar casa continua a ser significativamente mais caro do que no ano passado.

No presente artigo, analisamos os dados do mercado imobiliário em Portugal, com base nos indicadores do Imovirtual. Comparando com o mesmo mês do ano passado, abril de 2023, verificamos que os preços de venda de casas subiram 10%, enquanto as rendas médias de arrendamento aumentaram 8%.

Distritos com MAIORES SUBIDAS DE RENDA:

  • Évora (+29%): A renda média subiu para 900€.
  • Portalegre (+14%): A renda média subiu para 440€.
  • Coimbra (+9%): A renda média subiu para 800€.
  • Leiria (+6%): A renda média subiu para 850€.
  • Bragança (+6%): A renda média subiu para 475€.

Distritos com MAIORES DESCIDAS DE RENDA (comparado com março de 2024):

  • Beja (-20%): A renda média desceu para 800€.
  • Guarda (-8%): A renda média desceu para 380€.
  • Santarém (-7%): A renda média desceu para 700€.
  • Viana do Castelo (-1%): A renda média desceu para 780€.

Distritos MAIS BARATOS PARA ARRENDAR:

  • Guarda (380€)
  • Portalegre (440€)
  • Bragança (475€)
  • Vila Real (475€)

Distritos MAIS CAROS PARA ARRENDAR:

  • Lisboa (1.700€)
  • Porto (1.200€)
  • Setúbal (1.200€)
  • Santarém (1.100€)

Distritos com MAIORES SUBIDAS DE VENDA:

  • Santarém (+3%): O preço médio de venda subiu para 180.000€.
  • Braga (+2%): O preço médio de venda subiu para 279.900€.
  • Aveiro (+2%): O preço médio de venda subiu para 290.000€.
  • Porto (+2%): O preço médio de venda subiu para 325.000€.
  • Leiria (+1%): O preço médio de venda subiu para 260.000€.

Distritos com MAIORES DESCIDAS DE VENDA (comparado com março de 2024):

  • Lisboa (-9%): O preço médio de venda desceu para 399.000€.
  • Faro (-3%): O preço médio de venda desceu para 411.180€.
  • Bragança (-3%): O preço médio de venda desceu para 100.000€.
  • Castelo Branco (-2%): O preço médio de venda desceu para 98.000€.
  • Portalegre (-1%): O preço médio de venda desceu para 77.250€.
  • Viseu (-1%): O preço médio de venda desceu para 164.000€.

Ilhas com MAIORES SUBIDAS DE VENDA (comparado com abril de 2023):

  • Graciosa (+62%): O preço médio de venda subiu para 125.000€.
  • Flores (+59%): O preço médio de venda subiu para 149.000€.
  • São Jorge (+58%): O preço médio de venda subiu para 160.000€.

Ilhas com MAIORES DESCIDAS DE VENDA (comparado com março de 2024):

  • Corvo (-20%): O preço médio de venda desceu para 64.000€.
  • Faial (-12%): O preço médio de venda desceu para 224.000€.
  • Santa Maria (-1%): O preço médio de venda desceu para 220.000€.


O mercado imobiliário português permanece dinâmico, com preços a subirem na maioria das regiões. Apesar da ligeira estabilização dos preços médios, comprar casa continua a ser um investimento significativo. É importante acompanhar os indicadores do mercado e as tendências regionais antes de tomar qualquer decisão de compra ou arrendamento.

Botão Voltar ao Topo