Casas de cimento em 3D prontas em menos de 24 horas? É possível graças à tecnologia desenvolvida pela empresa Icon em colaboração com a “New Story” uma entidade sem fins lucrativos localizada na California.

O rápido método de impressão 3D, permite construir casas com 60 metros quadrados num prazo de 24 horas ou menos e surge como solução para o ataque à pobreza em países subdesenvolvidos e comunidades carenciadas como as existentes no Haiti, El Salvador e Bolívia onde a “New Story” procura construir abrigos e casas para os habitantes.

O objetivo da união entre a Icon e a New Story passa inicialmente pela construção de 100 lares destinados a albergar residentes em El Salvador.

 

Como se processa esta impressão 3D?

Uma impressora promete imprimir ou construir uma casa americana com cerca de 60 metros quadrados em menos de 24 horas.

As casas, construídas em cimento no local, não representam praticamente desperdício de material e exigem pouca mão de obra, tendo neste momento um custo de 10 000 dólares. No entanto, o objetivo é reduzir este valor até aos 4 mil dólares for forma a tornar estas casas acessíveis a pessoas com necessidades financeiras e menor poder de compra.

A impressora 3D Vulcan promete imprimir o modelo que conta com um quarto, uma sala de estar, uma casa de banho e ainda um alpendre.

 

Também uma universidade na Holanda pretende avançar com a impressão de cinco 3D printing houses, ainda este ano.

Depois da construção da primeira ponte em 3D a Universidade Tecnológica de Eindhoven avançará para a construção de habitações de formas irregulares, a oeste do centro da cidade de Eindhoven. A primeira será rés-do-chão, ocupará 95 metros quadrados e contará com três quartos.

As habitações poderão ser compradas ou alugadas através de uma agência imobiliário intermediária da Universidade de Tecnologia de Eindhoven.

O que acha desta nova solução imobiliária?