Logo
Go back
apartment for sale
Lisbon
Amadora
Venteira
T2+1 Apartamento Venteira com logradouro... NÃO PERCA EST...

T2+1 Apartamento Venteira com logradouro... NÃO PERCA EST...

115 000 €
Venteira, Amadora, Lisboa
2 091 €/m²
T2+1 Apartamento Venteira com logradouro... NÃO PERCA EST...

Overview

Net area (m²):
55 m²
Gross area (m²):
72 m²
Investment:
no
Typology:
T2
Bathrooms:
1
Energy certificate:
D
Condition:
To recuperate

Description

FANTÁSTICO IMÓVEL PARA REMODELAÇÃO.

SEJA PARA INVESTIMENTO OU HABITAÇÃO PRÓPRIA REMODELAÇÃO GOSTO.
T2+1 COM LOGRADOURO.
NO VALOR DE 115.000

Prédio composto por três andares, (cave ,r/c, 1*andar)
ZONA CALMA COM TODO O TIPO DE NEGÓCIO.

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE.
Marque já a sua visita.

Descrição da Zona:

O concelho da Amadora situa-se no norte da Área Metropolitana de Lisboa, sendo um dos concelhos de primeira coroa da capital, com a

qual limita a oeste (freguesias de Benfica e, em menor parte, Carnide). O concelho de Oeiras (Carnaxide e Queijas, a sul e Barcarena, a

sudoeste) situa-se a sul, enquanto que toda a faixa oeste e parte do norte do concelho são limitados por Sintra (Queluz e Belas e Casal

de Cambra, respetivamente). Por fim, o concelho de Odivelas (Pontinha e Famões) restringe a vertente norte-ocidental da Amadora.

O município da Amadora foi criado em 11 de setembro de 1979, por secessão da freguesia da Amadora, no nordeste do concelho de

Oeiras. Dias depois, a 17 de setembro de 1979, a vila da Amadora é elevada a cidade, e a freguesia homónima é dividida em oito

freguesias: Alfragide, Brandoa, Buraca, Damaia, Falagueira-Venda Nova, Mina, Reboleira e Venteira. Na ocasião agregou a si partes das

freguesias de Queluz e de Belas, pertencentes ao concelho de Sintra, e tendo cedido a localidade de Presa que passou a fazer parte da

freguesia de Odivelas, atual concelho de Odivelas.

Em 1997, foram criadas as freguesias de Alfornelos (parte da freguesia de Brandoa), Falagueira, Venda Nova (divisão da freguesia de

Falagueira-Venda Nova) e São Brás (parte da freguesia de Mina), sendo esta a divisão municipal até 2013, ano em que estas freguesias

foram extintas.

O município da Amadora está dividido, na sequência da reorganização administrativa de 2013, nas seguintes seis freguesias:

-Águas Livres (correspondente, na anterior organização de freguesias, a quase toda a Damaia, à zona sul da Reboleira e norte da Buraca e ainda algumas partes do norte de Alfragide).

-Alfragide (integra, não só, quase toda a área de Alfragide, mas também, grande parte da Buraca, a leste)

-Encosta do Sol (inclui quase todo o território de Alfornelos, bem como a maior parte da Brandoa, e ainda uma pequena parte do nordeste da Venda Nova [a leste do túnel da CRIL], outra do norte da Falagueira e, a norte, uma outra do leste de São Brás)

-Falagueira-Venda Nova (para além das áreas da Falagueira e Venda Nova, com as limitações já referidas, a limitação a oeste estendeu-se para todo Parque Aventura; a norte, foram anexadas uma parte da Brandoa e outra da Brandoa e São Brás, correspondente ao Monte da Galega)

-Mina de Água (grosso modo, corresponde às antigas freguesias da Mina e São Brás – excetuando os territórios anteriormente referidos como parte de outras freguesias –, incluindo ainda uma zona do oeste da Brandoa e, a sul, o território da Venteira situado a norte da linha ferroviária)

-Venteira (para além da freguesia da Venteira, a nova organização administrativa englobou na nova freguesia o norte da Reboleira, fixando a sua fronteira a leste na Estrada Nacional 117, abarcando, por isso, partes de Alfragide, Damaia e Reboleira).

Entre os seus símbolos contam-se o Aqueduto das Águas Livres, bem como os campos de aviação que tiveram tanta importância na

emergência da aviação em Portugal, sendo que ainda hoje o Estado-Maior da Força Aérea Portuguesa se situa no concelho, na freguesia

de Alfragide. Ambos figuram nas armas da cidade.

O município da Amadora é servido por diferentes modos de transporte, integrando a primeira coroa envolvente à cidade de Lisboa. Deste

modo, é servido por diferentes tipologias de transporte ferroviário, contando com três interfaces da rede do Metropolitano de Lisboa e três

interfaces ferroviários da rede de comboios urbanos de Lisboa da CP. No tocante ao transporte rodoviário, o seu território é servido por

três operadores, sendo o principal deles a Vimeca/Lisboa Transportes, que assegura ligações intra-concelhias e aos concelhos de Sintra

e Oeiras. A este operador juntam-se a Carris e a Rodoviária de Lisboa, que asseguram as ligações aos concelhos de Lisboa, Odivelas e

Loures. Em termos de infraestruturas, as principais artérias rodoviárias consistem na A9, A16, A36 e A37; as infraestruturas ferroviárias

que atravessam o concelho consistem na Linha Azul do Metropolitano de Lisboa e na Linha de Sintra.

Na Amadora encontra-se a Escola Superior de Teatro e Cinema com várias Licenciaturas, Mestrados, Pós-Graduações e possibilidade de

Doutoramentos. Possui ainda um dos campus da Academia Militar, onde se situa parte significativa do corpo de alunos, nomeadamente

os alunos internos, os serviços académicos, e parte proporcional dos serviços de apoio e administração.

A Amadora tem as seguintes escolas do ensino básico e secundário:

-Escola EB 1 Artur Bual,
-Escola Secundária da Amadora
-Escola Secundária Mães d'Água
-Escola EB 2/3 José Cardoso Pires
-Escola Secundária Seomara da Costa Primo
-Escola D. Francisco Manuel de Melo
-Escola EB 1/JI da Venteira
-Escola Secundária D. João V
-Escola Secundária Dr. Azevedo Neves
-Escola Secundária Fernando Namora
-Escola EB 2/3 Roque Gameiro
-Escola EB 2/3 de Alfornelos
-Escola EB 2/3 Miguel Torga
-Escola EB 2/3 Sophia de Mello Breyner
-Escola EB 2/3 Professor Pedro d'Orey da Cunha.
Categoria Energética: D

Map

Offer price report

Apartments T2, Venteira

Based on prices from Otodom service

More ads from Sintraneves Lda