Prédio para construir na Avenida da Boavista

Avenida da Boavista, Lordelo do Ouro e Massarelos

1 150 000 €
Contacte-nos
    • Preço 1 150 000 € 966 €/m²
    • Área útil (m²) 1 191 m²
    • Área bruta (m²): 1 768 m²
    • Condição: Para recuperar
    • Certificado Energético: Isento

Descrição

Prédio com projeto aprovado, na Avenida da Boavista e na Rua António Maria de Sena para construir 17 apartamentos, 12 T1 e 5 T2 com 12 lugares de estacionamento.

Ler mais...
!

Erro ao carregar o mapa

Por volte tente mais tarde

Pode encontrar nas redondezas...

Avenida da Boavista, Lordelo do Ouro e Massarelos

Não existem pontos de interesse no mapa

Relatório de preços praticados

Baseado nos preços dos anúncios activos no Imovirtual

Lordelo do Ouro e Massarelos: Intervalo de preços

Prédios

1 150 000
Min.
315 000
Max.
3 500 000

70%

dos prédios nesta freguesia estão abaixo deste preço

Prédios semelhantes abaixo de 1 150 000 €

Todos os prédios abaixo de 1 150 000 €

Média de preços anunciados Prédios

Freguesia

Lordelo do Ouro e Massarelos

de 315 000 € até 3 500 000

Este anúncio
1 150 000
+16%
Preço médio
987 391

Preço 16% acima da média


Porto

Concelho

Porto

de 100 000 € até 9 630 000

Este anúncio
1 150 000
+21%
Preço médio
944 524

Preço 21% acima da média


Lordelo do Ouro e Massarelos

Freguesia

Lordelo do Ouro e Massarelos

de 454 €/m² até 4 496 €/m²

Este anúncio
966 €/m²
-55%
Preço médio
2 185 €/m²

Preço m² 55% abaixo da média


Porto

Concelho

Porto

de 0 €/m² até 325 000 €/m²

Este anúncio
966 €/m²
-61%
Preço médio
2 499 €/m²

Preço m² 61% abaixo da média


Lordelo do Ouro e Massarelos
Lordelo do Ouro e Massarelos: média do preço de venda

Compra

Este anúncio 1 150 000

Localização: Lordelo do Ouro e Massarelos

Preço acima da média

Ofertas para compra semelhantes

Arrendamento

6 000 €/mês

Preço médio de arrendamento para Prédios

Ofertas de arrendamento semelhantes

Id do anúncio no Imovirtual: 9253225

Número de visualizações: 363

Data de criação: há mais de 14 dias

Data de modificação: há mais de 14 dias